As novas instalações visa atender o público
O local em que irá ser instalado o Núcleo de Serviço Social, no quartel do 6º Batalhão de Polícia Militar – 6ºBPM, em Guajará Mirim, está passando por uma reforma para melhorar as suas instalações e melhor atender ao público. 

E para fiscalizar e acompanhar o andamento da reforma, o secretário regional coronel PM da reserva Flávio Dezerte esteve nos pavilhões do batalhão e conheceu também outras seções, na quinta-feira, 10.

O Núcleo de Serviços Sociais tem como objetivo assistir crianças, jovens e adolescentes, dentre outros. Os serviços que compõem o Núcleo são: Programa Educacional de Resistência às Drogas (Proerd), que funciona a mais de 15 anos; Polícia Mirim e Patrulha Maria da Penha que foram implantados a aproximadamente 4 anos. Atualmente, esses serviços funcionam, em duas salas do 6ºBPM e em uma sala cedida pela escola Estadual – a Polícia Mirim.

A visita do coronel PM RR Derzete, demonstra a preocupação do Governo do Estado na melhoria estrutural dos órgãos públicos. Ao término da reforma são esperados resultados positivos, uma vez que trará melhor prestação de serviço à população local, já que os policiais militares estarão melhor alocados e as instalações poderão, de forma programada, serem frequentadas pelos cidadãos que necessitem da proximidade com a polícia militar.

Acompanharam na visita, o capitão PM Schimidt, subcomandante do 6º BPM e o tenente PM Azevedo, comandante da 1ª Companhia de PO.

Um pouco mais dos serviços:

  • PROERD: Atende crianças, jovens e adolescentes junto a rede de ensino, com um trabalho educativo e preventivo no combate educacional de resistência as drogas e a violência.
  • Polícia Mirim: Atende um total de 100 crianças e adolescentes, entre 09 a 15 anos de idade. Que durante o período que não estão em sala de aula regular, participam de palestras, instruções, complementos escolares tudo visando na formação dessas crianças, objetivando a formação de futuros cidadão comprometidos com o bem estar de todos.
  • Patrulha Maria da Penha: Visa um atendimento mais especializado junto a mulher que sofre qualquer tipo de abuso ou violência.

Fonte: Assessoria PM/RO

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem