Por Fábio Marques

Estamos a poucos dias dos acordos finais das convenções entre partidos, seus adeptos e acerca das eventuais coligações e candidatos que irão concorrer ao pleito eletivo de 2020. Neste clima de frenesi que ocorre antes das eleições que estão por vir, a gente começa a ver de tudo, mas muito pouco de realizações que, por obrigação, deveriam estar calcadas no consenso geral. Não está no gibi as coisas hipócritas que somos obrigados a assistir todos os dias. É baixaria nas redes digitais da Internet, desaforos, boletins de ocorrências policiais, ironias, enganações, demagogias, conversas fiadas e mudanças de posição política conforme as conveniências. E nós, cidadãos ávidos por propostas que minimizem nossos problemas diários vindas de líderes que administrem sem intrigas e sem picuinhas temos que nos sujeitar a assistir boquiabertos a este funesto show de horrores.
##########
O projeto contrário a participação dos fichas-sujas no cenário politico parece que funciona de verdade desde a última eleição municipal, quando aquele pleito não se validou por conta de um cidadão com débitos a acertar com a Justiça, mas resolveu afrontar as leis eletivas. Ainda bem. Mas seria de bom patamar que fiquemos atentos às manobras e ciladas armadas pelos corruptos para enganar a Justiça através de atalhos ilegais que “legalizam” o errado impondo-o como correto. É de dar embrulhos no estômago ter que engolir gente que deveria estar na cadeia posando de baluartes da ética, da moral e dos bons costumes.
##########
Um recado para os pré-candidatos que passaram desde há pouco tempo a rechear minha caixa de mensagens do Whats app com figuras de Bom Dia, Boa Tarde, Boa Noite, sem ao menos se darem ao esforço de escrever alguma coisa que almeje alegrar meu dia-a-dia. O número da agência bancária deste escriba é 0390-5. E o número de minha conta bancária é 28.814-4, Banco do Brasil. Querem enviar uma boa notícia? Anunciem que fizeram um depósito de 200 patacas em minha conta antes que os bloqueiem a todos.
##########
Em seu primeiro mandato na Câmara Municipal, o vereador Sérgio Bouez requereu ao Poder Executivo em caráter de urgência pedido de implantação de auxílio complementar para os agentes públicos que exerciam atividades ligadas ao Programa de Saúde Familiar (PSF). De acordo com o teor da matéria do vereador, os agentes deste programa atuavam como mola propulsora para que o Sistema Único de Saúde pudesse funcionar de maneira eficaz e executar as metas propostas. Por este motivo, achava necessária a complementação. “O agente de saúde, além de ser a pessoa que convive no dia-a-dia do bairro em que opera sua atuação, está servindo como o elo de ligação entre as precisões da saúde da população e o que poderá ser feito para melhorar sua saúde”, disse à época o atuante edil.
##########
O professor Marcélio Brasileiro deverá concorrer à prefeitura de Nova Mamoré. Formado em sociologia com doutorado em ciências políticas, Marcélio é filho de José Brasileiro, ex-prefeito daquela cidade.
##########
Por hoje é só. Tudo de bom a todos os leitores!
* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Mamoré não tem responsabilidade legal pela "opinião", que é exclusiva do autor.

Creme de café para tomar com leite ou água quente, potes de 500 ml. Café cremosoCafé cremoso fitCappuccino e tradicional. Tome no conforto de sua casa. Encomendas pelos telefones: 9 8429-5200 e 98494-1558 com Tácia ou Carlinhos.  Instagram: @deliciasgourmetdatacia



Unopar Guajará-Mirim

Para continuar a correr atrás do seu sonho, a Unopar ajuda você. Nossos alunos do EAD contam com transmissões via satélite com professores mestres ou doutores, para não perder nada.

Polo Guajará-Mirim:

Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues

(69) 3541-5375

(69) 99357-8293

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem