Quase 800 pessoas, entre presos e servidores, foram diagnosticados com o vírus 

Quase 480 casos do novo coronavírus foram registrados entre detentos nas penitenciárias de Rondônia até a última quarta-feira (19), segundo a Secretaria de Estado da Justiça (Sejus). Dos 479 presos diagnosticados, 49 ainda estão doentes, sendo que dois estão internados. Dois óbitos foram registrados.

 

A cidade com o maior número de presos contaminados pelo vírus é Porto Velho, com 222 casos, seguida por: Guajará-Mirim (162), Jaru (49), Cacoal (23), Nova Mamoré (26), São Miguel do Guaporé (4) e Vilhena (3).

 

Outros 43 estão com sintomas da Covid-19 e esperam pelo resultado dos exames. De acordo com a secretaria, todos os apenados com suspeita da doença são isolados e passam por testes de tuberculose, malária e Covid.

 

Apesar de atingir mais a população privada de liberdade, a doença também fez vítimas entre os servidores do sistema penitenciário. A Sejus contabiliza 293 casos confirmados, sendo 34 ainda ativos, e seis mortes pelo vírus.


Fonte: G1


Creme de café para tomar com leite ou água quente, potes de 500 ml. Café cremosoCafé cremoso fitCappuccino e tradicional. Tome no conforto de sua casa. Encomendas pelos telefones: 9 8429-5200 e 98494-1558 com Tácia ou Carlinhos.  Instagram: @deliciasgourmetdatacia




Unopar Guajará-Mirim

Para continuar a correr atrás do seu sonho, a Unopar ajuda você. Nossos alunos do EAD contam com transmissões via satélite com professores mestres ou doutores, para não perder nada.

Polo Guajará-Mirim:

Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues

(69) 3541-5375

(69) 99357-8293

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem