Uma moradora do bairro Santa Luzia, de 38 anos, foi difamada e agredida em via pública por um homem desconhecido. A PM conduziu o acusado a 1ª Delegacia de Polícia Civil de Guajará-Mirim/RO.

Segundo a versão da vítima, durante os primeiros minutos de sábado, 11, ela saiu do Hospital Regional Perpétuo Socorro transitando pela Avenida Antônio Correia da Costa, ao passar em frente ao Mercado Público Municipal ouviu alguém lhe proferindo palavras de baixo calão em sua direção, quando retornou em direção a duas pessoas para saber o porquê das ofensas, quando em sua direção um homem se aproximou e desferiu golpes com pedaço de madeira, acertando suas mãos e costas. A vítima ligou para a Central de Operações da Polícia Militar, os policiais constataram um inchaço na mão esquerda.

Uma testemunha disse aos policiais que viu uma mulher passando pelo local e se desentendeu com a amásia do acusado, um homem de 60 anos, que partiu em direção a mulher agredindo com pedaço de madeira.

Já o acusado disse aos policiais que não entendeu porque a mulher de 38 anos ligou para a Polícia, afirmando que ela foi quem ofendeu sua amásia e ele não agrediu ninguém.
Policiais militares encaminharam vítima e o acusado a Delegacia para que providências fossem tomadas.
 Fonte: O MAMORÉ



Creme de café para tomar com leite ou água quente, potes de 500 ml.
Café cremosoCafé cremoso fitCappuccino e tradicional.
Tome no conforto de sua casa. Encomendas pelos telefones: 9 8429-5200 e 9 8494-1558 com Tácia ou Carlinhos.  Instagram: @deliciasgourmetdatacia




 Unopar Guajará-Mirim
Para continuar a correr atrás do seu sonho, a Unopar ajuda você. Nossos alunos do EAD contam com transmissões via satélite com professores mestres ou doutores, para não perder nada.
Polo Guajará-Mirim:
Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues
(69) 3541-5375
(69) 99357-8293

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem