Na segunda-feira (27), o deputado Dr. Neidson (PMN) esteve no escritório técnico da Fiocruz Rondônia, instituição de pesquisa que atua na diminuição dos problemas de saúde e desigualdades sociais, percebidos na região amazônica.

"A Fiocruz Rondônia tem como missão gerar, difundir e induzir soluções científicas e tecnológicas em patologias tropicais", explicou Dr. Neidson.

De acordo com o deputado, a instituição também oferece qualificação profissional com cursos de mestrado e doutorado.

Segundo Neidson, além do Estado, a Fiocruz Rondônia conta com o apoio da Fundação Rondônia de Amparo ao Desenvolvimento das Ações Científicas e Tecnológicas e à Pesquisa (Fapero), que visa a promoção do desenvolvimento científico e tecnológico através do fomento à ciência, tecnologia e inovação.

"Porém, observamos que a Fiocruz pode ajudar muito mais se conseguir uma maior parceria com o Governo, mas atualmente, eles não estão sendo bem aproveitados. Por exemplo, eles podem contribuir com os exames do Coronavírus, uma vez que possuem a máquina que realiza, em tempo real, o diagnóstico molecular que detecta a Covid-19 com precisão", ressaltou Dr. Neidson.

No entanto, durante a visita, o deputado foi informado que a Fiocruz não estaria recebendo apoio para a aquisição dos insumos necessários.

"O Governo Federal restringiu o repasse de recursos para eles, por outro lado, acredito que, por estarem instalados aqui em Porto Velho, o Poder Executivo poderia contribuir bem mais, tanto para os cursos de pós-graduação, quanto para os estudos e pesquisas sobre o processo inflamatório no organismo, causado pelo Coronavírus, e consequentemente, para o diagnóstico da Covid-19 e um tratamento mais adequado para infectados de todo o estado", enfatizou o deputado.

Após a visita, Dr. Neidson anunciou que buscará, junto ao Governo e aos demais deputados, ações que visem maior apoio a Fiocruz Rondônia.

"A Assembleia Legislativa também pode ajudar. Segundo a instituição, com mais recursos, existe a possibilidade de garantirmos avanços mais rápidos no diagnóstico da Covid-19 com a sintetização dos reagentes usados nos exames, e assim, contribuirmos para a construção de uma estratégia de cobertura às pessoas afetadas em Rondônia", concluiu Dr. Neidson.







 




source http://www.drneidson.com.br/2020/04/apos-visitar-fiocruz-rondonia-dr.html

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem