No trecho dos municípios de Guajará-Mirim e Nova Mamoré foram desencadeadas diversas ações por agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF). Desde a terça-feira, 07, até o domingo 12, foram realizados apreensões e prisões pelos agentes.

 Na terça-feira, 07, na zona rural do município de Guajará-Mirim/RO, no km 117 da BR Engenheiro Isaac Bennesby (antiga BR-425), no posto fiscal da PRF, um homem foi preso em flagrante pelo crime do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) de violar a suspensão ou a proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. O infrator estava com o direito de dirigir suspenso de 11/08/2017 até 10/08/2022 devido a decisão judicial, e diante dos fatos, encaminhado para a Delegacia Regional de Guajará-Mirim para serem tomadas as devidas providências.

Apreensão de veículos e alimentos foram uma das ocorrências atendida pelos agentes da PRF
Na quarta-feira, 08, em Guajará-Mirim, homem desobedeceu ordem de parada dos policias rodoviários federais e empreendeu fuga. O condutor, capturado minutos depois pela equipe da ronda, disse aos policiais que não havia escutado a ordem de parada, assumindo que havia ingerido bebida alcoólica, sendo constatado o teor de 0,94 miligramas de álcool por litro de ar expelido pelos pulmões. Além do motorista, os policiais identificaram que um passageiro utilizava tornozeleira eletrônica desligada no momento da abordagem, e ao ser questionado, informou que estava sendo monitorado por já ter sido preso por tráfico de drogas no Estado do Mato Grosso, e também por Roubo no município de Guajará-Mirim. Em busca pessoal, foi encontrada 1 grama de cocaína com o passageiro, que afirmou portar a droga para consumo pessoal. Diante dos fatos, os infratores foram encaminhados para a Polícia Civil pelos crimes de conduzir veículo com capacidade psicomotora alterada em razão da influência de álcool – Embriaguez ao volante e Porte de droga para consumo.

Na sexta-feira, 10 de abril, aniversário de Guajará-Mirim, um homem foi encaminhado à Delegacia Regional de Guajará- Mirim, com mandado de prisão em aberto por posse ou porte ilegal de arma de fogo de uso restrito. A ocorrência aconteceu durante fiscalização no km 119 da BR Engenheiro Isaac Bennesby, por volta das 19 horas.

No município de Nova Mamoré/RO, duas ocorrências marcaram o sábado, 11, uma por fraude veicular e receptação. Na primeira, motociclista foi flagrado conduzindo o veículo sem placa. Após busca detalhada pelos sinais de identificação veicular, os policiais constataram que o chassi e o número do motor tinham sido suprimidos e regravados, não condizendo com a moto da abordagem. Diante disso, foi dada voz de prisão por adulteração de sinal identificador de veículo automotor, sendo conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Nova Mamoré.

A segunda ocorrência aconteceu no km 78 da BR Engenheiro Isaac Bennesby, quando policiais rodoviários federais encontraram uma motocicleta sem placa estacionada no acostamento. Após inspeção veicular e consultas, o chassi da moto retornou o número de outro veículo com restrição de roubo e furto. O condutor informou aos policiais que havia comprado a moto há um mês e desconhecia ser produto de roubo/furto. Diante dos fatos, o condutor foi conduzido pelo crime de receptação à Delegacia de Polícia Civil de Nova Mamoré, assim como o passageiro da moto, que detinha mandado de prisão por tráfico de drogas em seu desfavor.
A apreensão ocorreu durante a Operação Fronteira Fechada/2020
Na zona rural do município de Guajara-Mirim, em comando estático em frente à Unidade Operacional da PRF, no km 117 da BR Engenheiro Isaac Bennesby, durante a OPERAÇÃO FRONTEIRA FECHADA/2020, em parceria com os órgãos Exército Brasileiro, Secretaria de Saúde de Guajará-Mirim e Agência Epidemiológica, homem foi detido transportando cerca de 40kg de frango abatido sem nota fiscal e sem refrigeração. A carga, que tinha sido abatida em Porto Velho e tinha como destino um restaurante em Nova Mamoré, estava sendo levada em bandejas de isopor envoltas em papel filme, dentro de caixas sem qualquer refrigeração. Diante dos fatos, o autor do delito foi conduzido à Delegacia Regional de Guajará-Mirim, por crime contra as relações de consumo, previsto no Art. 7º da Lei 8.137/90: IX – vender, ter em depósito para vender ou expor à venda ou, de qualquer forma, entregar matéria-prima ou mercadoria, em condições impróprias ao consumo.
Mesmo em tempos de pandemia, domingo, 12, quatro homens foram flagrados conduzindo veículo sob influência de álcool em Rondônia. Dois casos aconteceram no município de Guajará-Mirim, no km 140 da BR Engenheiro Isaac Bennesby, um motorista e um motociclista foram presos.

As equipes policiais continuaram seus trabalhos de fiscalização e policiamento normalmente durante o feriado, realizando o patrulhamento em locais de maior índice de acidentes, assim como reforçando o combate à criminalidade.
Fonte: O MAMORÉ



Entre em contato com Luís Paulo, coordenador no Estado de Rondônia (69) 9 9956-1515 e obtenha mais informações.


Unopar Guajará-Mirim

Para continuar a correr atrás do seu sonho, a Unopar ajuda você. Nossos alunos do EAD contam com transmissões via satélite com professores mestres ou doutores, para não perder nada.
Polo Guajará-Mirim:
Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues
(69) 3541-5375

(69) 99357-8293



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem