Os crimes ambientais ocorreram no km 119, da BR Engenheiro Isaac Bennesby (antiga BR-425), com a apreensão de cerca de 450 litros de agrotóxicos sendo transportado sem documento fiscal. Já no perímetro urbano do município de Guajará-Mirim/RO, foram realizadas as prisões pelo crime de embriaguez ao volante.
O flagrante se deu durante a Operação Fronteira Fechada, onde agente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) também participavam, na manhã de domingo, 30. O condutor do veículo de carga foi detido pela Lei do Meio Ambiente 9.605/1998, conforme o art. 56, além de ser autuado em infrações de trânsito relacionadas ao transporte ilegal de produtos perigosos. A carga e o condutor foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil de Guajará-Mirim para os procedimentos cabíveis.

Embriaguez ao volante
No tocante ao crime de embriaguez ao volante, durante todo o final de semana, a PRF realizou prisões em Guajará-Mirim, a primeira ocorrência foi registrada durante a madrugada deste sábado, 28, quando uma mulher de 27 anos transitava em uma motocicleta modelo CG Fan, na altura do km 136, da BR Engenheiro Isaac Bennesby, na abordagem a condutora disse aos agentes da PRF que não portava documentos, havia caído da motocicleta momentos antes e que havia ingerido cerveja com seus parentes em Guajará-Mirim. Notaram os olhos vermelhos, as roupas sujas e desalinhadas, além de odor etilíco, falta de equilíbrio e alteração de humor, por meio do teste do etilômetro constatou teor 0,95 mg/l de álcool por litro de ar expelidado pelos pulmões. A mulher se recusou a acompanhar os policiais até o prédio da Delegacia de Polícia Civil de Guajará-Mirim, afirmando não ser bandida, posteriormente concordou, sendo algemada afim de resguardar a integridade física da equipe, já que a mulher estava bastante alterada. Ela foi autuada em flagrante.

A segunda abordagem ocorreu por volta de 22h30min, de sábado, 28, quando ao longo da Avenida XV de Novembro, BR Engenheiro Isaac Bennesby, perímetro urbano, realizava fiscalização no km 117, quando deram ordem de parada ao condutor da motocicleta CG Titan. O condutor de 39 anos, residente no município de Nova Mamoré/RO, apresentava visíveis sintomas de embriaguez alcoólica, sendo confeccionado o Termo de Constatação de Sinais de Alteração da Capacidade Psicomotora, embora o condutor tenha confirmado que há dois dias consecutivos tenha ingerido cerveja e cachaça. O homem foi preso e conduzido a Delegacia de Polícia Civil, sendo autuado em flagrante pela prática de embriaguez ao volante.

A terceira abordagem ocorreu por volta de 23h30min de sábado, 28, quando os agentes patrulhavam pela rodovia, km 139, perímetro urbano do município de Guajará-Mirim, ao notarem que o motorista de 28 anos, do veículo de cor vermelha, modelo Chery, parou bruscamente ao perceber a presença da viatura. Os policiais durante a abordagem ao condutor, notaram visível estado de embriaguez, logo foi confeccionado o Termo de Constatação de Sinais de Alteração da Capacidade Psicomotora. O condutor confirmou ter ingerido bebida alcoólica, inclusive citou que consumiu duas latas de cervejas momentos antes a abordagem.O motorista foi preso, conduzido a Delegacia de Polícia Civil, autuando em flagrante pela prática de embriaguez ao volante.

A quarta prisão por embriaguez ao volante ocorreu por volta de 02h30min, de domingo, 29, quando os agentes da PRF foram acionados para atender um acidente, em frente ao prédio do Fórum Nelson Hungria. O condutor, de 53 anos, do carro modelo Prisma, estava no canteiro da via e o carro ocupando as duas faixas. O condutor apresentava sinais de embriaguez, confessando ter ingerido bebida alcoólica durante o período da noite, após realizar o teste do bafômetro acusou 1,02 mg/l de álcool por litro de ar expelidado pelos pulmões. Uma ambulância do Hospital Regional conduziu o motorista para receber atendimento médico, em seguida conduzido a Delegacia de Polícia Civil, onde também foi preso por embriaguez ao volante. 
Fonte: O MAMORÉ




  Entre em contato com Luís Paulo, coordenador no Estado de Rondônia (69) 9 9956-1515 e obtenha mais informações.


Unopar Guajará-Mirim
Para continuar a correr atrás do seu sonho, a Unopar ajuda você. Nossos alunos do EAD contam com transmissões via satélite com professores mestres ou doutores, para não perder nada.
  Polo Guajará-Mirim:
Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues
(69) 3541-5375
(69) 99357-8293



Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem