O veículo furtado durante a noite de domingo, 23, enquanto a vítima estava na Igreja, foi recuperado por policiais civis lotados no Serviço de Investigação, Vigilância e Captura (Sevic), em menos de 24 horas.
A moradora de 32 anos saiu de sua casa situada na Avenida Costa Marques, bairro Triângulo, para ir até a Igreja. Ao retornar, foi visto um homem saindo do lado da casa com uma motocicleta. O veículo furtado tratava-se de sua motocicleta modelo Biz, de cor preta, placa NEG 6096. Os ladrões violaram a janela da casa, furtaram além do veículo, um televisor de 32 polegadas, uma botija de gás de 13 kg e três aparelhos celulares. Policiais militares, ainda na noite de domingo, em um terreno baldio próximo, conseguiram localizar a botija e a TV, os demais objetos não foram encontrados.
A equipe do Sevic ao tomar conhecimento, na manhã desta segunda-feira, 24, em diligência obteve informações que um rapaz por alcunha “Lukinha” estaria praticando os furtos de veículos. No encalço a suspeito, localizaram dois irmãos, menores de idade, um de 14 anos e o outros de 17 anos, também suspeitos de estarem envolvidos com o furto a residência no bairro Triângulo, informaram que não praticaram o furto, porém sabiam que “Lukinha” teria praticado o furto e escondido o veículo próximo ao Igarapé Estrelinha, no bairro Santa Luzia, na residência de um adolescente. A casa do menor de idade, situada a Rua 07, foi localizada pelos agentes do Sevic, porém não havia ninguém, aparentemente. Os agentes foram até a residência da mãe do menor, ela autorizou a entrada dos policiais na casa do filho, dentro do imóvel estava o menor de 17 anos e sua namorada, de 22 anos, a motocicleta Biz, furtada, fora encontrada embaixo de lençol, em um cômodo da casa, o capacete de segurança também da vítima foi localizado na casa. Em uma das gavetas da cozinha, foram encontrados 06 papelotes de cocaína.
O adolescente delatou aos policiais que foi procurado por “Lukinha”, e este negociariam a motocicleta, o valor da venda seria rateado entre as partes. Durante a ação, quando os policiais conversavam com a mãe do adolescente, “Lukinha” foi visto adentrando na casa, mas ao notar a presença de policiais saiu em disparada, não sendo alcançado.
Os irmãos menores de idade foram intimados a prestarem esclarecimentos, acompanhados de um responsável. Já o proprietário da casa que guardou o veículo e o acusado de praticar o furto possui histórico de atos infracionais.
O caso continua sendo investigado, já que nos últimos meses há vários registros de furtos de motocicleta de residência em Guajará-Mirim.
Fonte: O MAMORÉ


Unopar Guajará-Mirim
O Agrônomo pode trabalhar com ciência do solo e da água economia, engenharia e extensão rural, produção animal e vegetal, empresas alimentícias, indústrias de sementes, grandes propriedades rurais, equipamentos e adubos, além de poder atuar com ensino e pesquisas.

Polo Guajará-Mirim:
Avenida XV de Novembro, 1922 - Em frente ao Ginásio Afonso Rodrigues
(69) 3541-5375
(69) 99357-8293

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem