20 de novembro de 2019

Sevic prende novamente dono de "boca de fumo"

Bruno Egues Rivas Montana é preso novamente e sua boca de fumo desarticulada.
Sevic prende novamente dono de "boca de fumo"

Cerca de cinco meses atrás, salvo de pena judicial após alegar ser viciado, Bruno Egues Rivas Montana, de 24 anos, é novamente preso pela equipe do Serviço de Investigação, Vigilância e Captura (Sevic). Sua “boca de fumo” foi desarticulada, novamente, na noite desta terça-feira, 19, no município de Guajará-Mirim/RO. (Veja matéria: https://www.omamore.com.br/2019/06/policiais-civis-e-da-unesfron-apreendem.html)
Bruno  Egues Rivas Montana
A residência situada a Avenida 1º de Maio, 1000, bairro São José, após apreensão de trouxinhas no último dia 08, sexta-feira, com um jovem que confessou ter adquirido a substância entorpecente com Bruno, os policiais civis passaram a diligenciar e após campana, conseguiram flagrar dois homens que adquiriram trouxinhas na noite desta terça-feira, um por volta de 21h30min e o outro por volta de 22h40min. Ambos confessaram ter pago R$ 10, 00 por cada trouxinha de droga. Ao cercarem a casa, depararam com Bruno e em seu bolso haviam 07 trouxinhas de cocaína peruana, o rapaz ainda tentou fugir, mas foi alcançado e preso. Na casa, em uma armário da cozinha, foram encontradas: balança de precisão, sacos plásticos os mesmos usados na confecção das trouxinhas apreendidas e a mesma embalagem apreendia com a jovem no dia 08, além de três invólucros com quantidade maior de cocaína e que seriam posteriormente divididos em trouxinhas para a comercialização na "boca de fumo". A quantia, em miúdos, de R$ 79,35 foram apreendidos. Um usuário de drogas estava negociando uma chapinha elétrica e foi apreendida, assim como outros objetos na casa que não possuíam nota fiscal. O olheiro da "boca de fumo" foi identificado e denunciado pelos policiais.
Os agentes do Sevic após campana prenderam Bruno e droga
Bruno foi autuado em flagrante pela comercialização de drogas, encaminhado ao presídio masculino e aguarda a audiência de custódia.

Fonte: O MAMORÉ

Veja também:

Últimas Notícias

© Copyright 2019 Jornal O Mamoré | All Right Reserved