27 de outubro de 2019

Coluna Almanaque: SOBRE OS RUMOS DA POLÍTICA

Por Fábio Marques
Coluna Almanaque: SOBRE OS RUMOS DA POLÍTICA

Por Fábio Marques
De acordo com pesquisa levada a cabo em Guajará-Mirim pelo Instituto Brasil, o presidente da Câmara Municipal, advogado Sérgio Bouez, lidera com elástica vantagem sobre os demais oponentes a corrida para a cadeira de prefeito nas eleições municipais de 2020. A surpresa desta enquete ficou por conta do nome do agente fiscal Waldemir “Caçador” Andrade, cuja patente vem ganhando espaço. Outros nomes como o do ex-vereador Maurício Dibas, da esposa do comerciante Antônio Bento, Raíssa Paes e da professora Lucila Socorro também aparecem na listagem. Entre os últimos da pesquisa, quase sumindo, avista-se o nome do apagado prefeito Cícero Alves.
##########
Não é a toa que o nome de Sérgio Bouez figura no topo do Everest político em Guajará-Mirim. Nos noventa dias em que esteve atuante como prefeito biônico na época a priori da eleição suplementar, fez da cidade um canteiro de obras. E como gerente da Casa Legislativa, conseguiu realizar muito mais em prol das melhorias que a cidade precisa que o atual chefete do Executivo.
##########
Verdade seja dita: Guajará-Mirim não suporta mais tanto descaso e isolamento. Afinal, já são quase trinta anos que a cidade não recebe um investimento de peso maciço que possa realmente ajudar na geração de empregos e impostos para o município. Estamos há décadas vivendo de migalhas que não interessa a outras cidades do Estado. É por isso que hoje o nome do advogado Sérgio Bouez aparece bem nas pesquisas. Talvez quem sabe, com sua eleição, Guajará-Mirim poderá voltar a fazer parte do Estado de Rondônia.
##########
Está pegando muito mal para a imagem da instituição Câmara o episódio gravado através de filmagens mostrando a face grotesca e grosseira de um membro da Casa trocando sopapos com um cidadão comum. O fato, com registro na Central de Polícia, está rodando nas redes digitais e tem dado o que falar.
##########
No caso exposto, o citado membro do Parlamento guajaramirense procede de modo incompatível com a dignidade do cargo que o povo lhe outorgou, faltando com a ética e o decoro na sua conduta pública.
##########
Vereadores e Câmara participam de forma ativa da condução da política na cidade. A atuação dos edis é que vão dar o desenho para as políticas públicas a serem adotadas e que vão influir de forma direta na qualidade de vida dos cidadãos. Com este desígnio é que os vereadores têm que trabalhar suas atuações, vigiando a coisa pública, os atos do Poder Executivo e fazendo projetos, propostas de leis de interesse público e requerimentos no intuito de melhorar o bem estar geral e não fazendo arruaças através de futricas, picuinhas e até vias de fato com os próprios cidadãos de sua aldeia.
##########
Sobre opinião e ponto de vista: seja qual for o modo como se apresenta, a opinião é inviolável numa democracia plena de direitos e deveres. A uma atitude se combate com outra atitude. A uma opinião se combate com outra opinião. Para atitudes impensadas há punições e para atitudes bem pensadas há aplausos e elogios. Quanto à opinião, ou se aprova ou se reprova. Também se pode à luz dos fatos e argumentos refutar uma opinião. Mas jamais censurar.
##########
Por hoje é só. Um ótimo domingo a todos os leitores.
* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Mamoré não tem responsabilidade legal pela "opinião", que é exclusiva do autor.

Veja também:

Últimas Notícias

© Copyright 2019 Jornal O Mamoré | All Right Reserved