Dois atropelamentos foram registrados no último fim de semana na região central de Guajará-Mirim (RO), município a pouco mais de 330 quilômetros de Porto Velho. A diferença de tempo entre ambos os casos é de cerca de cinco horas. Uma jovem, de 22 anos, e uma idosa, de 63 anos, foram hospitalizadas.
No primeiro acidente, um carro invadiu a preferência de uma rua e acabou atropelando uma jovem, de 22 anos, que transitava na via em uma motoneta. Com o impacto da batida, a vítima foi arremessada para cima do carro, conforme o boletim de ocorrência.
Equipes da Polícia Militar (PM) local e do Corpo de Bombeiros foram acionadas. Testemunhas contaram que o motorista chegou a arrastar a moto por cerca de 15 metros e, em seguida, fugiu.
A jovem foi encaminhada ao hospital regional da cidade desacordada. Ela apresentava fraturas na perna esquerda e cortes na cabeça. A suspeita é de que a vítima tenha sofrido traumatismo craniano.
Horas depois, o veículo que atropelou a mulher foi encontrado em frente a uma lanchonete. Uma testemunha disse ter reconhecido o carro e ligou para a PM.
O segundo atropelamento aconteceu cinco horas depois na Avenida 15 de Novembro. Uma idosa, de 63 anos, estava andando de bicicleta pela região, quando um carro também invadiu a preferência e a atropelou. O condutor do veículo fugiu. A PM fez diligências nas proximidades do local, mas não encontrou nenhum suspeito ou o veículo.
A mulher foi levada ao hospital com escoriações e a bicicleta foi devolvida após os trabalhos periciais. A Polícia Civil segue investigando os casos.

Fonte: G1

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem