A inauguração de mais um personagem folclórico do Festival Folclórico Duelo na Fronteira na noite deste sábado, 02, no município de Guajará-Mirim.
O juiz Carlos Antonio desde que assumiu a Vara do TRT em Guajará tem voltado ações que beneficiem a comunidade de um modo em geral
O juiz do Trabalho Carlos Antonio Chagas Junior, prefeito Cícero Alves Noronha Filho, acompanhado da primeira dama Alessandra Cortez Noronha, secretários, representantes das agremiações folclóricas Bois Bumbás Flor do Campo e Malhadinho, além da comunidade em geral estiveram prestigiando. 
Através de uma ação da Justiça do Trabalho, a primeira estatua do Pajé foi colocada na Praça do Trem, onde na época houve uma grande programação. Como o projeto é dá Justiça do Trabalho, que tem à frente o Juiz Federal Carlos Antonio Chagas Júnior, que contemplou com 5 estátuas de personagens folclóricos dos bois Malhadinho e Flor do Campo.
 
Neste sábado, a segunda estátua da Sinhazinha foi inaugurada no Parque Circuito onde por questão até de transformar o local em um ponto turístico, todas as estátuas serão colocadas no mesmo local. O evento foi um sucesso com as apresentações dos bois Flor do Campo e Malhadinho, o local se transformou em uma praça de alimentação e também de vendas de artesanatos. Apesar do frio, uma boa parte da comunidade compareceu ao evento.
O prefeito Noronha agradeceu à Justiça do Trabalho, na pessoa do Juiz Federal Carlos Antonio Chagas Junior, pela iniciativa, em parceria com município, em transformar o local em um ponto turístico. Dessa forma,  Guajará passa a ter um local qual se identifica com nossa festa dos bois.
 “Acredito que a partir de agora tanto os munícipes como os turistas agora terão um local para registrar sua passagem pelo município. E que com a colocação das demais estátuas - 3 no total -  o local será cada dia mais visitado”, disse o prefeito Cícero Noronha.
Fonte: O MAMORÉ com informações Assessoria de Comunicação Social da PMGM 

 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem