Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 15 de novembro de 2018

Homem com facão decepa parte da orelha de desafeto

Após levar um tapa no rosto, com um facão pedreiro decepa parte da orelha de desafeto.
CONTINUA LOGO DEPOIS DA PUBLICIDADE

Após levar um tapa no rosto, com um facão pedreiro decepa parte da orelha de desafeto, que foi conduzido as presas para um Hospital em Porto Velho/RO. O fato ocorreu durante na tarde desta quarta-feira, 14, no bairro Triângulo.
Conforme relatos, Cleodomilsom B. M. estava em um bar, ingerindo bebida alcoólica na companhia de uma mulher, quando chegou o pedreiro Joaquim dos Santos Barroso, de 59 anos. Iniciou uma discussão entre Joaquim contra Cleodomilsom e a mulher, com um facão ele atingiu o rosto do lado direito de Cleodomilsom, causando um corte profundo de aproximadamente 20 centímetros e decepando parte da orelha da vítima. Logo após a lesão, Joaquim fugiu em uma embarcação, com apoio de outras guarnições tendo a colaboração de um barqueiro, o acusado foi preso. Enquanto outra guarnição tentava estancar o sangue da vítima e conduzir até o Pronto Atendimento do Hospital Regional, sendo conduzido para o Hospital João Paulo, em Porto Velho, devido à gravidade da lesão.
Joaquim foi conduzido a Delegacia de Polícia Civil juntamente com o facão apreendido. Policiais militares realizaram o registro do Boletim de Ocorrência. Em pesquisa foi constatado que Cleodomilsom, a vítima, está evadido do sistema prisional.
Flagrante
Durante interrogatório realizado pelo delegado David Wisney Bezerra Guedes, o acusado Joaquim afirmou que estava ingerindo bebida alcoólica no local dos fatos quando houve desentendimento com Cleodomilsom, momento que foi agredido com um tapa no rosto, se dirigiu até sua canoa, onde se apossou de um terçado, retornando ao bar. Aproveitou que a vítima estava de costas, tentando fugir, ele desferiu um golpe de terçado na altura do pescoço. Joaquim disse que podia aceitar o desafora de ter recebido um tapa na cara, mas que não tinha intenção de matar a vítima. O acusado já foi preso por tentativa de homicídio, na ocasião utilizou uma faca.
O delegado autuou em flagrante Joaquim por tentativa de homicídio, após a realização do exame de corpo de delito o acusado foi levado para a Casa de Detenção de Guajará-Mirim. O facão, encaminhado para a realização de perícia de eficiência de provocar lesão corporal. O caso ainda está em investigação, de acordo com a Polícia.
Fonte: O MAMORÉ

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: