Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 23 de agosto de 2018

Reflexão: A vida é assim: o que se planta se colhe. É tipo assim: toma lá, dá cá

Toma lá, dá cá. A vida é assim: o que se planta se colhe, e ultimamente a colheita tem sido muito rápida.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na maioria vezes, nós nos questionamos sobre a atitude de determinadas pessoas. Parece que a vida não as disciplina por nada neste mundo. A sensação é que o acaso, o destino, as disciplinas da vida só enxergam a gente. Você já pensou assim também? Certo dia, fiquei “revoltada”, só de imaginar como as pessoas são difíceis, como elas são complicadas! Provavelmente, alguém também já fez o mesmo juízo a nosso respeito. Mas, a questão aqui é revoltante porque existem pessoas com dupla personalidade, pessoas falsas e dissimuladas. É claro, existem pessoas complicadas devido algum problema que estejam passando no momento, não podemos julgar as pessoas, a menos que tenhamos conhecimento de tais fatos, os quais refletem suas más atitudes. Existem pessoas e momentos, que cada um de nós sabemos muito bem, que o caso é tenso e, às vezes, chega a nos tirar do sério. Algum tempo atrás, se tinha algo que me tirava do sério, era quando eu ouvia a seguinte frase: “Deixa nas mãos de Deus”. Dava em mim uma vontade de fazer justiça própria. “Socorrooo”, né?! Mas, cá pra nós, você também já pensou e quis. Poxa, eu ficava pensando: Até parece que Deus vive desocupado e a única missão d’Ele é fazer justiça. Mudei de ideia recentemente, passando por um período delicado na minha vida, fui privilegiada em viver a justiça feita pelas mãos de Deus.
 E de fato é algo tremendo, quando menos esperamos é que a justiça vem. Ressalto a justiça é diferente de vingança. 
Acreditem, só precisamos mesmo é esperar o tempo certo para as coisas acontecerem.
E, detalhe, acontecem quando a sua fome e sede por justiça não o(a) faz escrava(o) da situação, em outras palavras, é quando literalmente você esquece. Quando você fica lembrando e querendo que a pessoa se dê mal, isso é vingança e a justiça de Deus não acontece. Quando você ignora o momento, o fato, a pessoa e as circunstâncias, aí as coisas acontecem. E olha que o agir de Deus é infalível. 
Vale a pena esperar pela justiça divina, além de disciplinar ela tem um poder enorme de mudar: ou você, ou a pessoa, ou o momento, ou a circunstância. É tipo assim: toma lá, dá cá.
Fonte: O Segredo

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: