Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 27 de abril de 2018

Combate a dengue é intensificado em bairros alagados pelo Rio Mamoré

Bairros Triângulo e Cristo Rei são os mais atingidos em Guajará (RO). Nuvepa faz trabalho de prevenção e orienta moradores nas áreas de risco.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

O Núcleo de Vigilância Epidemiológica e Ambiental (Nuvepa) intensificou o combate a dengue nos bairros alagados com a cheia do Rio Mamoré em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho.

Rio Mamoré chegou a 11,78 metros e nível continua subindo cerca de dois centímetros por dia, segundo a Defesa Civil 
Segundo o Nuvepa, o trabalho dos agentes de combate a endemias consiste na identificação e eliminação de focos do Aedes aegypti e orientação aos moradores, além da prevenção contra outras doenças transmitidas pelo mosquito, como a chikungunya e zika.
Neste ano o órgão recebeu 47 notificações de pacientes com suspeitas de dengue, sendo que dessas 47, 11 foram confirmadas através de exames laboratoriais, o que representa baixo risco de epidemia; não houve nenhuma morte causada em decorrência dos casos confirmados.
Agente Handerson dos Santos faz vistoria para identificar e eliminar focos do mosquito
O agente Handerson dos Santos, disse que atualmente o Nuvepa conta com dez servidores para atender os 15 bairros da cidade e que essa quantidade não é ideal para atender toda a demanda.
“Estamos cumprindo o cronograma estabelecido e dando prioridade nos dois bairros que estão em situação mais crítica neste momento. Todos os agentes trabalham no mesmo bairro para que possamos identificar e eliminar criadouros do mosquito”, explica o servidor.
De acordo com a Defesa Civil do município, os bairros Triângulo e Cristo Rei, que estão situados às margens do Mamoré, são os mais atingidos. A situação nas áreas de risco está sendo monitorada e os moradores poderão ser deslocados para abrigos temporários, caso seja necessário.
Bairro Triângulo é um dos locais atingidos com a cheia do Mamoré 
Mais de 50 famílias já foram atingidas e, pelo menos, sete delas tiveram que ser retiradas por motivos de segurança (essas famílias foram morar temporariamente com parentes em outros bairros).
Na última semana, a Defesa registrou o nível do rio em 11,78 metros, sendo o maior do ano até aquele momento, porém a água está subindo cerca de dois centímetros por dia, conforme o relatório diário baseado na régua fluviométrica.  
Fonte: G1

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: