Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 12 de fevereiro de 2018

Carnaval 2018: Blitz da Lei Seca flagra 22 motoristas embriagados em Guajará-Mirim

A blitz da Lei Seca realizada em Guajará-Mirim/RO flagrou 22 motoristas embriagados
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



A blitz da Lei Seca realizada em Guajará-Mirim/RO flagrou 22 motoristas embriagados durante a noite de sexta-feira, 09 e sábado, 10, seguindo até a madrugada do dia seguinte, durante o período carnavalesco. A ação promovida pela 1ª Circunscrição Regional de Trânsito (1ª Ciretran) em parceria com as polícias Militar e Civil ocorreu nos bairros Tamandaré e 10 de Abril. Ao todo, 83 veículos foram fiscalizados, sendo 62 carros e 21 motocicletas.
De acordo com o chefe da equipe de fiscalização da Operação Lei Seca (OLS), Jairo Félix, num total de 24 agentes da 1ª Ciretran, com a participação de 21 policiais militares e 10 policiais civis, durante as abordagens 75 homens e 08 mulheres passaram pela blitz, 04 carros e 07 motocicletas dos veículos abordados foram removidos para o pátio da Ciretran, recolhidos 17 Carteiras Nacional de Habilitação e 01 Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV)/Certificado de Registro de Veículos (CRV). Salientou ainda Félix, que 10 motoristas foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil pelo crime 165/306 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e 12 autuados pelo art. 165 ADM do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), sendo 07 homens e 01 mulher. Também foram autuados por embriagues e liberado no local (art. 165/ADM) 08 homens e 01 uma motorista mulher, 02 motorista se recusaram a fazer o teste do etilômetro, mesmo assim foram conduzidos para a Delegacia de Polícia, totalizando o número de 10 pessoas autuadas em flagrante por embriagues, foi estipulado o valor da fiança onde os motoristas puderam pagar para responder pelo crime em liberdade. 02 homens e 01 mulher recusaram a fazer o teste do bafômetro, sendo autuados pela recusa e confeccionado pelos agentes da 1ª Ciretran 22 autos de infrações por embriagues. Os motoristas foram autuados em flagrante, sendo estipulado fiança, onde puderam pagar para responder em liberdade pelo crime.
Jairo alertou que os condutores autuados por embriaguez ao volante terão de pagar multa no valor de R$ 2.934,70, além de responder a processo administrativo para a suspensão do direito de dirigir por 12 meses. Motoristas, além dessas penalidades, responderão na Justiça por crime de trânsito já que apresentaram índice superior a 0,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido no teste do etilômetro ou por terem a embriaguez atestada em exame clínico realizado por médico legista.
Fonte: O MAMORÉ

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: