Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 17 de janeiro de 2018

Homem acusado de cometer vários roubos em Guajará-Mirim é preso

Acostumado a praticar roubo de aparelhos celulares, principalmente de mulheres, homem é flagrado ao tentar fazer mais uma vítima em Guajará-Mirim, nesta terça-feira, 16.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Acostumado a praticar roubo de aparelhos celulares, principalmente de mulheres, homem é flagrado ao tentar fazer mais uma vítima em Guajará-Mirim, nesta terça-feira, 16.
 Fernando Bezerra está preso
De acordo com informações Fernando Bezerra Freitas, de 41 anos, em uma motocicleta modelo Titan, de cor preta, sem placa foi visto transitando pela Avenida Rocha Leal com Dr. Mendonça Lima, bairro Tamandaré, ao lado de uma mulher de 37 anos, ao notar a presença de uma viatura ele fugiu, mas logo foi alcançado e preso, já que a mulher o acusava de tentativa de roubo, exigindo o seu aparelho celular caso ela não entregasse ele a mataria, mas graças a presença de uma viatura da Polícia Militar impediu a ação. A motocicleta preta com detalhe vermelho, segundo Fernando pertence a sua esposa, o veículo foi apreendido e conduzido para o pátio da 1ª Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran).
Motocicleta usada para cometer os roubos
As características físicas de Fernando coincidiram com as mesmas apontadas no dia anterior quando ocorreu um roubo de um aparelho celular e da aliança de uma mulher no dia anterior, nas imediações da antiga Mofob. Aos policiais civis do Serviço de Investigação e Captura (Sevic) o acusado confessou ter praticado também este roubo, afirmando ter praticado quatro roubos em via pública. Havia um mandado de prisão, do Estado de São Paulo, em desfavor de Fernando que também foi cumprido, além de ser autuado em flagrante incurso no art. 157, caput c/c artigo 14, II, todos do CP, roubo.
Durante os procedimentos legais no prédio da Delegacia de Polícia Civil, Fernando conseguiu violar o portão que dá acesso a cela provisória (corró) e com um pedaço de ferro de aproximadamente 50 cm tentava pular o muro da Delegacia, mas foi avistado por um policial que impediu a ação.
Vítimas de roubos que reconhecerem Fernando como acusado de ter praticado o delito devem procurar a Delegacia de Polícia para que providências sejam tomadas.
Fonte: O MAMORÉ

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: