Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 25 de agosto de 2017

Fórum de Debate Pedagógico reúne mais de 200 professores bolivianos

Evento aconteceu em Guajará-Mirim (RO), na região de fronteira com a Bolívia. Objetivo é melhorar intercâmbio educacional entre os dos países, diz coordenação.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Debate Pedagógico Internacional reuniu mais de 200 professores bolivianos
Mais de 200 professores bolivianos atravessaram a fronteira com o Brasil para participar do 1º Fórum de Debate Pedagógico Internacional realizado nesta terça-feira (22) em Guajará-Mirim (RO), a cerca de 330 quilômetros de Porto Velho. O objetivo do evento, que foi organizado pela Confederação de Professores da Bolívia, foi proporcionar um intercâmbio e troca de experiências profissionais entre os educadores dos dois países.
Segundo o presidente da Confederação dos Professores Bolivianos, Ludbin Salazar, o Fórum foi realizado em parceria com a Secretaria Municipal de Educação (Semed) e a Fundação Universidade Federal de Rondônia (Unir). O encontro serviu para expor o sistema educacional do país vizinho e conhecer a realizada no sistema brasileiro na região de fronteira.
Participaram educadores bolivianos das cidades de Santa Cruz de la Sierra, Cobija, Guayaramerín, Riberalta, Sulcre e Cochabamba, entre outras cidades bolivianas. Para Ludbin, o próximo passo é firmar convênios entre os governos do Brasil e Bolívia para melhorar o intercâmbio educacional entre os dois países.
“Para nós é uma satisfação participar deste fórum internacional, justamente para trocarmos conhecimentos com nossos irmãos brasileiros no que diz respeito a questão pedagógica e modelos educacionais. Temos muitas riquezas na fronteira e por isso temos que melhorar esse intercâmbio e esse diálogo entre os dois países, principalmente no quesito educação”, comenta Salazar.
A atual secretária municipal de educação, Tereza Crespo, disse que os bolivianos procuraram o órgão e fizeram a proposta para realizar o evento no município, o que foi prontamente aprovado.
“A abertura do Fórum aconteceu na última segunda-feira (21) em na cidade boliviana de Guayaramerín, com apresentação de palestras e projetos pedagógicos. Em um segundo momento foi proposta de fazer uma programação aqui, o que ficou acordado entre nós, com apoio da Semed e da Unir. Só temos a ganhar com esse intercâmbio, pois há troca de cultura e de experiências profissionais, isso é importante”, ressalta Tereza. 


Fonte: G1

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: