Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 27 de junho de 2017

Suspeito de atacar homem a pauladas é preso em Guajará-Mirim

Vítima teve traumatismo craniano e morreu um dia após o ataque. Investigações da Polícia Civil chegaram até Jesus dos Santos, que confessou o crime.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Suspeito foi preso no começo desta semana
Um suspeito de 30 anos foi preso na última segunda-feira (26) após ter atacado um homem a pauladas no último dia 20, em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho. A vítima, identificada como Luiz Fabiano Oliveira Leite, teve traumatismo craniano e foi encaminhada para o Hospital João Paulo II em estado grave, mas não resistiu.
De acordo com a Polícia Militar (PM), no último dia 20 a guarnição foi acionada por populares para atender um suposto acidente de trânsito. A vítima estava inconsciente e foi achada por moradores que passavam pelo local. 
Luiz Fabiano Oliveira Leite
O Corpo de Bombeiros foi chamado e fez os primeiros socorros. Em seguida encaminhou Luiz Fabiano para o pronto socorro do Hospital Regional.
Devido à gravidade do ferimento na cabeça, o paciente acabou sendo encaminhado para Porto Velho em estado gravíssimo, mas acabou morrendo no dia 21.
Prisão do suspeito
Desde a data do suposto acidente, a Polícia Civil estava investigando o caso. Conforme as investigações da Divisão de Homicídios, testemunhas acabaram confessando que na verdade não houve acidente de trânsito, mas que a vítima foi atacada a pauladas por um homem.
Na última segunda-feira (26) os policiais chegaram ao nome do suspeito, Jesus Vieira dos Santos. Ele foi localizado e preso, e acabou confessando que desferiu vários golpes na cabeça de Luiz Fabiano e em seguida fugiu do local.
O suspeito foi conduzido à 1ª Delegacia Regional de Polícia Civil, onde prestou depoimento e fez exame de corpo de delito. O delegado responsável pelo caso, Lawrence Lachi, pediu a prisão temporária de Jesus, que foi deferida pelo Juiz da 2ª Vara Criminal da Comarca de Guajará-Mirim.
Após a expedição do mandado de prisão, o autor do homicídio foi encaminhado para o presídio masculino e está à disposição do Poder Judiciário.
Fonte: G1

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: