Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 21 de junho de 2017

Projeto do vereador Kerling Brito garante eleição direta para administradores de distritos

A realização de eleição direta para a escolha de administradores dos distritos de Guajará-Mirim foi proposta pelo vereador Kerling Brito, visando garantir com que a própria população das localidades escolham o nome do administrador.


A realização de eleição direta para a escolha de administradores dos distritos de Guajará-Mirim foi proposta pelo vereador Kerling Aparecido Moreira, “Kerling Brito” (PTN), que apresentou ao Projeto de Lei de Emenda à Lei Orgânica, visando garantir com que a própria população das localidades escolham o nome do administrador que terá um mandato de dois anos, podendo ser reeleito para um único mandato subseqüente de igual duração.
O vereador Kerling afirma que as eleições distritais é uma reivindicação da comunidade
Segundo consta na proposta do vereador Kerling, o administrador, após nomeado para o exercício do cargo, deverá elaborar um Planejamento de Meta de Trabalho (PMT), a ser desenvolvido em sua administração, o qual deverá contar no orçamento do município, devidamente aprovado pelo Poder Legislativo, bem como prestarem contas, mensalmente até o dia 10 do mês subsequente, das suas atividades administrativas e financeiras à frente do distrito e, anualmente, até o último dia 10 do mês subsequente e anualmente até o último dia do mês de fevereiro do ano subsequente. A eleição para a escolha dos administradores, conforme apresentado no Projeto de Lei, deverá ocorrer até 45 dias após a posse do prefeito municipal.
O edil alega que nasceu no Distrito de Surpresa, recebendo um pedido de membros da comunidade para que a escolha do administrador local fosse realizado por eleição, uma escolha dos moradores, e não política. Sendo assim, o Kerling disse que no primeiro mês do início do legislativo (fevereiro) apresentou Emendas ao Projeto de Lei. Não diferente a situação dos moradores do Distrito do Iata, também zona rural do município de Guajará-Mirim. “A  administração distrital tem como função descentralizar a administração municipal, a fim de que os moradores passem a ter um local para tratar de assuntos de interesse público, sem precisar se deslocar até a cidade, mas para isso também solicito através de Emenda nº 005/2017 condições para que os administradores possam exercer seus cargos”, justificou o vereador.                       
Para kerling o modelo deve ser este de democracia, mas o prefeito Cícero Alves Noronha Filho na última segunda-feira, 19, encaminhou a Mensagem nº 023/GAB/PREF, alegando o Veto total justificando por razões de interesse público administrativo. Na mesma data, a presidência da Câmara de Vereadores promulgou a Lei Complementar ao artigo nº 135 da Lei Orgânica do município, onde regulamentou a Emenda apresentada pelo vereador Kerling, alegando que o prefeito municipal perdeu o prazo para vetar a Lei Complementar.
Fonte: O MAMORÉ
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: