Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 16 de junho de 2017

Marcha para Jesus acontece neste sábado

Um dia antes do dia em que se comemora o Dia do Evangélico no Estado de Rondônia, feriado estadual, 18 de junho, a Marcha para Jesus acontece neste sábado, 17.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Um dia antes do dia em que se comemora o Dia do Evangélico no Estado de Rondônia, feriado estadual, 18 de junho, a Marcha para Jesus acontece neste sábado, 17.
Mais uma edição da Marcha para Jesus, conhecida como a maior manifestação cristã do mundo, tem programação em Guajará-Mirim. A concentração está marcada para às 17h, em frente ao Estádio João Saldanha, desta sexta-feira, 16, para uma carreata nas principais avenidas do município. No sábado, 17, acontece a Marcha para Jesus, com concentração a partir de 15h em frente ao Espaço Alternativo (Bumbódromo) seguindo pela Avenida XV de Novembro até a Praça dos Pioneiros (no Porto Oficial), retornando pela mesma via até o local de partida.
De acordo com o coordenador geral da Marcha desde 2013, Marcelo Bentes, este ano a Marcha contará com um trio elétrico. “Uma grande estrutura de som para abrilhantar ainda mais nosso evento que este ano terá a presença de membros da Igreja Católica”, destacou.
Durante a concentração terá a participação do DJ Antônio Souza, no trajeto o Ministério Adore, de Guajará-Mirim anima a Marcha, no retorno será o Ministério Louvor Nova Flores, da Igreja Wesleyana de Porto Velho/RO.
Um palco foi montado no Bumbódromo, onde após a Marcha será realizado um show de música gospel, a entrada é paga.
A Marcha para Jesus é uma realizada da Ordem dos Pastores de Guajará-Mirim, tendo a frente como presidente o Pastor Josinaldo Ribeiro, da Igreja da Paz.
Fonte: O MAMORÉ
Foto: Nike Castro

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: