Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 19 de abril de 2017

Campanha de vacinação contra a febre aftosa é lançada em Nova Mamoré

Realizado o lançamento da 41ª etapa da Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa, em Nova Mamoré.
A Agência de Defesa Sanitária Agrosilvopastoril do Estado de Rondônia (Idaron) realizou na noite desta segunda-feira (17), na Câmara Municipal de Nova Mamoré/RO, um ato público de lançamento da 41ª etapa da Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa. Na oportunidade estiveram presentes autoridades municipais, como o prefeito Claudionor Lemos, vereadores locais, a Diretoria Técnica da Idaron, e produtores rurais.
O médico veterinário Raimundo Felix abriu o evento dando uma breve explanação sobre a campanha. Em seguida Felix ministrou uma palestra, que expôs a importância de se realizar a Campanha de Vacinação contra Febre Aftosa e da defesa sanitária. Ele apresentou dados estatísticos do agronegócio, citando que o Estado é o 6º maior produtor do País e 4º exportador de carne.
Falou ainda da evolução na exportação de carne nos últimos anos e da produção de leite, na área da exportação com destaque para Venezuela, Hong Kong, Egito, China, Rússia.
 Ele frisou que o mais importante do trabalho da Idaron foi transformar o rebanho de Rondônia em um dos mais bem cuidados do Brasil, garantindo assim o alcance de Rondônia o status internacional de livre da doença com vacinação.
A campanha iniciou oficialmente no ultimo sábado (15) e se encerra no dia 15 de maio. O prazo para comunicar a vacinação junto à Idaron é até o próximo dia 22 de maio. Para declarar a vacinação, o produtor deverá ir até à Idaron com a nota fiscal de compra das vacinas e com a relação do rebanho vacinado, discriminado por faixa etária e sexo.
Devido à inversão de calendário de vacina, nesta campanha todos os bovinos e bubalinos devem ser imunizados. Já na etapa de outubro/novembro serão vacinados apenas os animais com até 24 meses. A inversão do calendário foi uma solicitação dos pecuaristas através da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Rondônia (Faperon).
Nesta etapa, a expectativa é que sejam imunizados 13,6 milhões de bovinos e bubalinos, sendo que no município de Nova Mamoré a previsão é de 610 mil bovinos e bubalinos.. O produtor que não vacinar poderá ser multado em R$ 163,02 por animal não vacinado e obrigado a vacinar com a presença de um fiscal da Idaron. Quem vacinar e não declarar será multado em R$ 163,02 por propriedade.

Fonte: Bastidores da Notícia
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: