Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 19 de março de 2017

Ruas alagadas, acidentes e furtos são as causas mais comuns de perda de placas de veículos; veja como solicitar reposição

ransitar em ruas alagadas, se envolver em acidente de trânsito, roubo e a própria ação do tempo são motivos considerados mais comuns para perda da placa de veículos.
CONTINUA LOGO DEPOIS DA PUBLICIDADE

Transitar em ruas alagadas, se envolver em acidente de trânsito, roubo e a própria ação do tempo são motivos considerados mais comuns para perda da placa de veículos. O Departamento Estadual de Trânsito do Estado de Rondônia (Detran/RO) orienta os condutores a como conseguir resolver esse problema e evitar circular pelas ruas de forma irregular.
De acordo com o servidor da Diretoria Técnica de Operações do Detran/RO, Sáimon Rio, há dois procedimentos: um para a placa traseira e outro para a dianteira. Isso porque, conforme a legislação de trânsito, a placa traseira deve ser lacrada e a dianteira não.  Se o problema é referente à placa dianteira, Sáimom orienta o condutor a primeiro procurar o Detran para solicitar autorização para confeccionar a nova placa. No caso da placa dianteira, serão liberadas as guias para pagamento das taxas de vistoria (R$ 50,21) e autorização para confeccionar a placa (R$ 9,78). ‘
‘É o próprio Detran que faz a vistoria da placa dianteira, pois não tem lacre, depois o condutor é encaminhado a uma fábrica de placas credenciada e com a placa em mãos ele volta ao Detran que fará a instalação da nova placa. É possível resolver isso em um mesmo dia’’, afirmou Sáimon.
Enquanto que quando se trata de placa traseira, a taxa de vistoria é de cerca de R$ 100, pois o serviço é feito por empresa terceirizada que geralmente está instalada próximo aos Ciretrans. Também é necessário o pagamento de taxas referentes à autorização para confeccionar a placa (R$ 9,78), lacre de placa e tarjeta (R$ 50,21) e homologação de laudo (R$ 18,26).
”O primeiro passo é procurar uma empresa terceirizada que a mesma fará inspeção e vai emitir laudo. Com esse laudo, o condutor deve ir até o Detran para solicitar os guias com as taxas. Em seguida ele vai até uma fábrica de placas e com a placa confeccionada volta ao Detran para fazer a instalação da placa, tarjeta e lacre”, disse Sáimon.
O condutor precisa ficar atento, pois dirigir sem a placa do veículo é uma infração gravíssima. De acordo com o artigo 230, IV do Código de Trânsito Brasileiro (CTB) estão previstas as seguintes penalidades: multa de R$ 293,47 mais sete pontos na carteira de habilitação e ainda remoção do veículo. Confira a lista de postos de atendimento do Detran Rondônia através do endereço eletrônico www.detran.ro.gov.br.

Fonte: Secom – Governo de Rondônia

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: