Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 31 de janeiro de 2017

Coluna Almanaque - O DISTRITO DE SURPRESA E SUAS DEMANDAS

Por Fábio Marques.
Por Fábio Marques
Distante cerca de 180 quilômetros de Guajará-Mirim, Surpresa se distingue do distrito do Iata, distante somente a 30 quilômetros, não apenas pela longitude, mas também pelo fato de que para se alcançar aquelas paragens, o cidadão comum somente irá consegui-lo através do transporte fluvial.
Naquele lugarejo residem 300 famílias que sobrevivem da pesca, da agricultura de subsistência, da construção de barcos e do funcionalismo público. Pelo fato de ser tão isolada, é que Surpresa vem sofrendo com o abandono e descaso por parte de governos que rolaram pela prefeitura e que nada mais fizeram do que prometer mundos e fundos que nunca passaram de bravatas ordinárias.
Cansados de esperar por melhorias que nunca se efetuam, cidadãos que habitam aquela povoação reclamam por medidas e ações cabíveis que possam elevar para índices condignos a qualidade de vida da localidade. O que desejam estas pessoas? Querem apenas que o distrito lhes ofereça condições essenciais para tocarem suas vidas e de suas famílias com honradez e fé no futuro.
Confiantes, a cada nova administração, estas pessoas renovam suas esperanças. Mas segundo relatos, esta confiança logo se abala quando os habitantes se deparam com as nomeações apontadas para dirigir a cidadela, cujos critérios são quase sempre políticos, na base do “quem indica”, segundo a vontade e capricho dos poderes a quem prestaram favores.
E que tal instituir o cargo de sub-prefeito para o distrito de Surpresa? Eleito via direta pelo povo votante daquela aldeia, o sub-prefeito iria receber salário condizente com a responsabilidade do encargo. Esta sub-prefeitura disporia da logística básica para funcionar: pessoal, veículos, maquinário e equipagem. O rateio de 12 parcelas de verba especial subscrita no Orçamento Municipal também constaria da proposta para que o sub-prefeito possa administrar os próprios recursos, evitando assim que se desloque até a cidade atrás de 150 litros de combustível a cada vez que precise, por exemplo. A criação de um conselho de controle e fiscalização formado por segmentos da população local iria acompanhar os gastos públicos e exigir a prestação de contas.
A idéia é ótima, embora ainda tenha alguma coisa para ser mexida, adaptada, burilada. Lógico que para esta proposta não se perpetuar na miragem da memória dos habitantes daquele distrito, vai ser preciso que um político de coragem e percepção de progresso aposte na sua execução. Com duas serrarias de porte regular e uma criação pecuária contando hoje com 12 mil cabeças de animais bovinos, a economia de Surpresa abastece ainda as regiões de Guajará-Mirim e Costa Marques com banana e Pescados nativos.
Uma coisa há que ser falada: aquele que se aventurar a por em prática este projeto – prefeito ou vereador – ficará para sempre lembrado na história política municipal.
##########

A tragédia que aconteceu no Rio de janeiro semana passada mostra a falta de preparo de nossas polícias. Uma criança foi morta num tiroteio entre a polícia carioca e um bandido. Bandidos andam armados, senão não seriam bandidos. Na contramão, cabe à polícia combater o crime e não o cidadão comum. A polícia atirou no meliante que revidou. E revidou porque além de ser bandido, também é um ser humano, defendeu a própria pele. E com isso a criança foi baleada. O exagero e o descuido da polícia ao lidar com um bandido acabou matando uma inocente.
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: