Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 20 de novembro de 2016

Ministro dos Transportes garante que não faltará recurso e ponte do Abunã deve ser concluída até final de 2018

De acordo com o ministro Maurício Quintela, a obra é uma das prioridades do presidente Michel Temer e já existem R$ 30 milhões garantidos no orçamento do próximo ano para a continuidade das obras.
O Ministro garantiu recurso para construção de um novo Porto em Guajará-Mirim.
A deputada federal Marinha Raupp e o senador Valdir Raupp, acompanharam nesta sexta-feira (18) o ministro dos Transportes, Portos e Aviação, Maurício Quintella, juntamente com demais membros das bancadas federal de Rondônia e do Acre, na visita as obras da ponte do Abunã, sobre o rio Madeira - que liga os dois Estados -, na vistoria a Rodovia BR 425 e o Porto de Guajará-Mirim. O ministro garantiu que não faltará dinheiro e que as obras da ponte serão concluídas até o final de 2018.
De acordo com o ministro Maurício Quintela, a obra é uma das prioridades do presidente Michel Temer e já existem R$ 30 milhões garantidos no orçamento do próximo ano para a continuidade das obras.  “Posso garantir que não faltará recursos.”
A expectativa é que as obras sejam finalizadas até o final de 2018. “Esperamos concluí-la até o final do ano que vem. Essa obra é uma luta das bancadas de Rondônia e do Acre e por conta disso estamos aqui hoje. É uma obra de integração nacional e fundamental para o escoamento da nossa produção, que liga o Brasil ao Pacífico, e por isso que ela é prioridade”, disse o ministro.
“Todos estes projetos são resultado da minha ação ao lado do senador Raupp, junto ao Governo Federal, para que a região de Guajará-Mirim se fortaleça com uma nova saída para o Pacífico. Essa ponte simboliza a ampliação do desenvolvimento econômico da região, uma vez que por ela poderão passar, com maior segurança e rapidez, a produção do agronegócio do norte do País”, enfatizou a deputada Marinha Raupp.
A ponte fica próxima do ponto em que o Rio Abunã desemboca no Madeira e terá uma extensão 1.084 metros entre uma margem e outra. Hoje, a travessia feita exclusivamente por balsa, torna o serviço caro e demorado, sujeito ainda as mudanças do Rio.
A comitiva saiu de Guajará-Mirim por volta de 10 horas, seguiu de carro até o canteiro de obras, em Abunã. Durante o percurso, foi realizada vistoria das obras de restauração da BR-425.

Porto - Durante visita ao Porto de Guajará-Mirim, Marinha Raupp informou que está fazendo gestões junto coordenadoria geral de Gestão e Operações Aquaviárias do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para inclusão, no Orçamento da União de 2017, da Instalação Portuária Pública de Pequeno Porte de Guajará-Mirim IP4, o Porto de Guajará-Mirim. O anteprojeto e o termo de referência com respectivos memoriais estão prontos e a obra está orçada em R$ 20 milhões com expectativa de execução em 2 anos.
O senador Valdir Raupp informou também que solicitou, por meio de emenda de relator, aporte de infraestrutura, dragagem, ampliação e modernização, para o Porto de Guajará-Mirim, no valor de R$ 100 milhões.

Fonte: Assessoria.
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: