Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 15 de setembro de 2016

Rede Amazônica completa 42 anos de atuação em Guajará-Mirim

Emissora fica localizada na região de fronteira entre Brasil e Bolívia.
Rede Amazônica em Guajará-Mirim completa 42 anos.
A Rede Amazônica, em Guajará-Mirim, completou 42 anos na terça-feira (13). A emissora fica na fronteira do Brasil com a Bolívia e, atualmente, conta com tecnologia de ponta para levar informação para os telespectadores e aproximar o município dos grandes centros urbanos.
A emissora conta com 18 colaboradores que trabalham diariamente para informar o que é notícia na região de fronteira do Estado. Para um dos funcionários mais antigos, fazer parte da história da Rede Amazônica é um orgulho.

História
 Foi fundada pelo jornalista Phelippe Daou, proprietário da Rede Amazônia de Rádio e Televisão, com sede em Manaus.
A emissora acompanhou a transformação de território para estado até 1981 e, em 1992, foram iniciadas as apresentações do jornal local, por onde já passaram vários profissionais. Um deles é Ricardo Mendes, que trabalhou durante 15 anos na TV, como apresentador e repórter, exercendo ainda a função de gerente administrativo e financeiro. Atualmente, Ricardo é o diretor regional da TV Acre, mas guarda muitas lembranças da época da Pérola do Mamoré, como é conhecida Guajará.
A TV Guajará-Mirim é uma microgeradora de televisão brasileira com sede em Guajará-Mirim, RO. Retransmite a programação da TV Rondônia, afiliada à Rede Globo, além de inserir publicidade local. Opera no canal 3 VHF.



Fonte: Rede Amazônica e O Mamoré.
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: