Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 26 de julho de 2016

Focado na reestruturação, diretoria do GEC busca patrocinadores para 2017

Com final da temporada, treinos foram suspensos e jogadores voltaram a jogar campeonatos amadores na cidade. "Queremos organizar a casa", diz dirigente
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Guajará se prepara para 2017
 O campeonato estadual de 2016 acabou com o título para o Rondoniense, que em seu primeiro ano no futebol profissional conseguiu vencer os dois turnos invicto. Para os outros times de Rondônia, a falta de estrutura e sequência em competições nacionais é a dura realidade vivenciada após o fim do estadual. O Guajará não terminou a temporada de forma melancólica e quase chegou à final do returno, mas agora busca se organizar internamente para tentar algo mais em 2017.
Com um elenco formado exclusivamente por jogadores pratas da casa e sem atletas dedicados exclusivamente ao esporte, o GEC conseguiu voltar a disputar da primeira divisão profissional depois de dez anos parado. O único título conquistado em 2000 ficou para sempre na história do clube, mas a campanha ruim de 2015 deixou marcas dolorosas para o torcedor.

Neste ano o time veio com uma nova diretoria e comissão técnica encabeçada pelo técnico boliviano Hernán Oliveira e um plantel modificado em relação a temporada passada. A falta de gols, vitórias e pontos deixou de existir após as boas atuações e sequências de resultados positivos. Aos poucos o time ganhou confiança e na última rodada venceu o Genus jogando fora de casa, por 2 a 1 e surpreendeu até mesmo o mais otimista dos torcedores.
Segundo o diretor de esportes do GEC, Paulo Figueiredo, a participação no Campeonato Rondoniense de 2017 ainda não está confirmada, mas está bem encaminhada. O único departamento do clube que está ativo no momento é a diretoria executiva, que trabalha para sanar as dívidas adquiridas durante o estadual deste ano.
– Nosso desejo é que o Guajará continue no campeonato, mas para isso precisamos nos organizar e buscar apoio de patrocinadores, pois sem dinheiro não tem como fazer futebol. Não iremos fazer loucuras de contratar ninguém, pois nosso elenco base será mais uma vez de pratas de casa como sempre foi. A intenção é montar um estrutura de trabalho organizada, mas com pés no chão – disse Figueiredo.
Paulo Figueiredo, diretor de esportes do Guajará.
Sobre a atual situação financeira do Glorioso, Paulo foi enfático ao dizer que a confirmação da equipe no próximo estadual depende exclusivamente da parte financeira e para conseguir fazer caixa, a diretoria pensa em realizar eventos para arrecadar recursos.
– É um grande desafio para nós mantermos esses jogadores, pois tudo gera gastos. Os treinos pararam e cada jogador foi para seu rumo, jogando peladas em campos de terra batida e campeonatos amadores. Não temos como exigir deles que se poupem disso, pois ninguém aqui vive da bola, essa é nossa realidade. Pensamos em organizar alguns eventos com objetivo de arrecadar, mas ainda é só uma ideia e vamos trabalhar para acontecer. Precisamos de parceiros nesse objetivo – finalizou.  
A pré-temporada está prevista para o início de janeiro, com o elenco base que jogou neste ano e possíveis reforços que serão avaliados pela nova comissão técnica.  
Ainda de acordo com a diretoria do GEC, o planejamento inicial é que ainda este ano seja feito um amistoso contra o Rondoniense, atual campeão estadual. A nova diretoria de futebol e também a comissão técnica devem ser formadas até o final do ano.



Fonte: Globo Esporte

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: