Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 20 de junho de 2016

Sete são presos e CNHs retidas em operação da Lei Seca em Guajará-Mirim

Fiscalização foi realizada na madrugada e tarde de domingo (19).
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



Sete pessoas foram presas na madrugada e tarde deste domingo (19) durante mais uma Operação Lei Seca realizada no município de Guajará-Mirim. De acordo com a Polícia Civil, sete pessoas foram detidas por embriaguez ao volante. Além de Carteiras Nacional de Habilitação retidas e veículos apreendidos.
A operação teve dois pontos de fiscalização: um na Avenida Duque de Caxias, no bairro de 10 de Abril, na madrugada de domingo prendeu uma mulher e dois homens que foram autuados em flagrante após constatação no teste do etilômetro, e outro na mesma via/Estrada do Palheta, no período da tarde, onde deteve mais quatro motoristas.
Os motoristas flagranteados, seis pagaram fiança e um foi encaminhado a Casa de Detenção Masculina de Guajará-Mirim.
O Código de Trânsito Brasileiro (CTB) considera crime quando o motorista é flagrado conduzindo veículos com índice de álcool no sangue superior a 0,34 miligramas de álcool por litro de ar expelido ou 6 decigramas por litro de sangue.
A pena de detenção aos motoristas presos pode variar de seis meses a três anos, multa e suspensão temporária da carteira de motorista ou proibição permanente de obter a habilitação. O CTB estabelece multa de R$ 1.915,40, além da perca de sete pontos na carteira. Os condutores também têm a CNH apreendida. Se o motorista tiver cometido a mesma infração nos 12 meses anteriores, o valor da multa é dobrado.
Fonte: O MAMORÉ.

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: