Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 26 de maio de 2016

Unidade de Conservação é tema de palestra na 5ª Rondônia Rural Show

Palestra sobre Unidades de Conservação
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Rondônia possui em todo seu território 67 Unidades de Conservação, sendo que 41 delas são estaduais entre parques, reservas extrativistas e estações ecológicas, importantes para a preservação do ecossistema natural. Manter a integridade dessas áreas protegidas é prioridade constante do governo estadual.

Wellington Cunha, chefe de Uso Público da Sedam, dá palestra sobre Unidades de Conservação
 Com esta preocupação, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Ambiental (Sedam), através da Coordenadoria de Unidade de Conservação participa da 5ª edição da Rondônia Rural Show, com palestras que irão explanar nos quatro dias da feira, o desenvolvimento das Unidades de Conservação (UC) e seu entorno e a necessidade de estudos, ordenamento e monitoramento das atividades.
Durante a palestra, Wellington Correia da Cunha, chefe de Uso Público da Sedam, destacou que as Unidades de Conservação existem para manter a diversidade biológica e os recursos genéticos. Protegem as espécies ameaçadas de extinção, preservam e restauram a diversidade de ecossistemas naturais e promovem a sustentabilidade do uso dos recursos naturais. “A Coordenadoria de Unidades de Conservação (CUC) é responsável pela gestão das áreas protegidas estaduais que compõem 11% de todo o território do Estado, destinadas primordialmente à conservação da natureza e ao uso sustentável dos recursos naturais, com o apoio do programa Áreas Protegidas da Amazônia (Arpa)”, ressalta o palestrante.
O Arpa é um programa do Ministério do Meio Ambiente que atua na proteção de florestas tropicais no mundo. Em Rondônia, é desenvolvido pela Coordenadoria de Unidades de Conservação da Sedam, contemplando nove UC’s, com ações planejadas para causar impactos positivos ao meio ambiente. A principal meta é a conservação e uso sustentável de 60 milhões de hectares – 15% da região amazônica – até 2039.
De acordo com o coordenador da CUC, Osvaldo Pittaluga, a proteção das UC’s vem sendo feita de forma sistemática pela Sedam em parceria com os órgãos de segurança. “Estamos desenvolvendo um extenso trabalho para evitar a pressão dos madeireiros ilegais dentro das unidades, com ações de fiscalização e monitoramento ambiental.
Para o secretário da pasta, Vilson Salles as unidades de conservação são áreas especialmente protegidas. “Sua criação representa um passo fundamental para a conservação dos ecossistemas e para a manutenção da qualidade de vida do homem na terra. Um dos grandes desafios para a implementação das unidades de conservação é assegurar a efetividade de gestão dessas importantes áreas”, afirma Vilson.
Ainda nesta tarde, o governador Confúcio Moura prestigiou o estande da secretaria e parabenizou o trabalho desenvolvido em função da preservação das Unidades de Conservação. “Devemos continuar cuidando das unidades, potencializando a preservação das mesmas da forma como já estamos desenvolvendo. É uma compromisso do nosso governo”, destaca Confúcio.
Fonte: Secom - Governo/RO.

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: