Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 27 de maio de 2016

Coluna Almanaque - AQUELA VELHA OPINIÃO...

Por Fábio Marques.
* Por Fábio Marques

 
Para os ignorantes, nada incomoda mais que o ato de pensar. Preferem receber insultos porque podem rebater com insultos. Isto porque raciocinar em cima dos fatos e contra-argumentar com inteligência não é apanágio para os ignorantes. Portanto, raciocinar de forma crítica e sensata é a única atitude que separa a miopia daqueles que se recusam a enxergar a realidade, da verdade caótica que vem causando miséria, doença, dor e morte em vida em todas as escalas sociais da cidade.
Nas relações humanas, cada pessoa, diante de dadas atitudes ou circunstâncias, reage da maneira a que mais lhe convém em relação ás situações. Como é de todos sabido, a crítica faz parte da politica. Isto quer dizer que quem se propõe a ingressar na vida pública, está sujeito à opinião pública. Em suma, a política é a arte de engolir “sapos”.
O problema é que apesar do “Tá escrito”, ainda existem ou subsistem uns escrotos aí que, à maneira dos tiranos, encrespam com tudo aquilo que em seus obtusos e estreitos raciocínios, advogam como atitude de lesa-realeza, opiniões e críticas à sua maneira de trabalhar a politica. E pior, censuram o jornalista lá que escreveu ou opinou a respeito de suas pífias atuações no negócio.
Apesar de meus mais de trinta anos de vivência política, ainda me surpreendo com a lógica ilógica de cabeças-de-bagre que tão pouco representam no contexto, mas que acabam fazendo de seus conceitos a respeito das críticas, religião ou profissão de fé. Isto ocorre hoje em nossa cidade. Pessoas dotadas de “não sei que poderes”, estão se achando super-homens, quando na verdade todos sabemos o quanto são super-fracos e medíocres.
Então é difícil para estes cidadãos a compreensão das coisas, o que atrasa o progresso e o avanço do espírito ou consciência de evolução. As reflexões e análises destas espécies de “Homo-sapiens” sobre qualquer tipo de assunto não passam de imagens borradas porque não possuem traquejo nem argumentação lúcida e plausível para a mesa de debates em qualquer âmbito, seja nos botecos ou nas reuniões sociais.
Contudo e sem questionar o mérito da pendenga, a tratativa que estes honrados gentlemans merecem de minha parte é a mesma tratativa que reservo às crianças, até porque as crianças merecem mais respeito que estes “Non compus mentis”. Um recado: não se iludam com a embriaguez do poder. Meditem sobre os foguetes. Todos eles acabam subindo, mas quando não explodem sozinhos, também acabam caindo.
Last but not least, reconheço que minhas críticas são violentas, mas felizmente não estou sozinho nesta cruzada. Aqui e acolá recebo elogios e também críticas aos meus artigos. E respeito tanto as críticas como os elogios.
Ainda é provável que nestas quebradas, encontre mais gente que não simpatize com meus escritos e minhas opiniões que o contrário. É mais que natural. Mais uma coisa há que se considerar: minhas opiniões são escritas com firmeza, com coerência, com dignidade e com a correção de quem deseja o melhor para Guajará-Mirim e a sociedade. Muito obrigado!
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: