Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 25 de abril de 2016

Coluna Almanaque - DE VOLTA AO COMEÇO

Por Fábio Marques .
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por Fábio Marques
Fala-se muito em reforma política, mas pouco se comenta sobre a reforma do homem. Não se pode fazer pelos cidadãos aquilo que eles não podem fazer por si mesmos. (Vitor Hugo).
As eleições municipais de 2016 parecem estarem fadadas a ficarem na história da cidade como a mais acirrada de todos os tempos. Em torno da decisão do Tribunal que gerencia as eleições na Cidade Pérola, parece que se agiliza todo um dínamo de propulsão ativada que quer turbinar esta corrida política.
Malgrado este espectro, pessoas com estreitos pontos de vistas sobre a situação municipal propõem-se a candidatar-se ao comando do Executivo de Guajará-Mirim. A administração pública é uma coisa complexa, repleta de planilhas, cálculos e problemas de todos os tipos que ocorrem todos os dias advindos de tudo quanto é direção. E problemas estes que independem de boa vontade ou de boa intenção.
Em política, sempre vão existir aqueles que irão se aproveitar das carências do povo. Hipócritas que preferem conservar setores da população na ignorância. Mas paralelo a este funesto teatro, também existem setores do estrato social que não estão se deixando mais enrolar por promessas vãs, maços de dinheiro e “ajudinhas”. Parece que uma energia de mudanças começa a aparecer na consciência popular. A população começa a procurar respostas para tantos anos de descalabros, assombros e enganação.
Segundo a constituição, todo poder emana do povo. Com efeito, pelos estatutos desta Carta de Intenções, a participação popular é o respaldo que justifica a existência do Estado de Direito. Esta premissa é que confere a submissão do Estado aos gostos e desgostos da população.
##########

Pelo trabalho que tem mostrado no transcurso de seu mandato, o vereador Augustinho Figueiredo aparece como um dos políticos mais atuantes da Câmara Municipal. Augustinho está sempre a apontar a baderna administrativa que se instalou na atual gestão executiva, fazendo as cobranças precisas em prol da população sofrida e carente de Guajará-Mirim, que vê o que ocorre de errado mas não é ouvida em seus reclames por aqueles capazes de reparar ou amenizar suas agruras.
Em nome desta população é que Augustinho se dedica em tempo integral na procura por respostas e soluções para os mais graves problemas que afetam todos os setores da sociedade, como por exemplo, o caos que se instalou na saúde, na educação, nos programas sociais, nas linhas vicinais, nas nossas ruas cheias de buracos e calçadas tomadas pelo matagal e na falta de trabalho que dignifique a juventude guajaramirense, hoje sem perspectivas de futuro. E isto sem falar nos confrontos e embates éticos e morais que o vereador enfrenta todos os dias contra aqueles que hoje se aparelham nas trincheiras da coisa pública, mas que no percurso do trajeto erraram a torto e à direito nos desvios de conduta.
Dentro da esfera que lhe compete, o vereador Augustinho Figueiredo vem cumprindo fielmente a sua obrigação que é a de fiscalizar, vigiar, reclamar e exigir.
##########

Parabéns a toda torcida vascaína por mais uma vitória do Machão da Gama sobre a freguesia burro-negra. E Vamos todos cantar de coração: Vascão da Gama, campeão. Ps. Na semana que vem, esta coluna vai comentar sobre o jeito europeu de jogar futebol do Audax-Osasco, a sensação do futebol paulista.

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: