Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 19 de março de 2016

Acusado de ser autor dos golpes de terçado que tirou a vida de jovem disse que fez ‘justiça’

Vítima foi morta a golpes de terçado e teve uma das mãos decepadas.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE



O primeiro homicídio registrado no município de Guajará-Mirim ocorreu no último dia 12, quando um jovem de 20 anos foi assassinado com vários golpes de terçado. O suspeito de ser o autor se apresentou e confessou o crime.
Euzinei José de Almeida Gomes, de 30 anos, sem advogado de defesa, se apresentou na última quarta-feira (16), na 1ª Delegacia de Polícia Civil. Ele confessou o crime, afirmando em entrevista: "Eu matei ele (Samuel) porque vinha ameaçando minha família e eu, além de roubar a vizinhança toda, então veio a acontecer isso. A PM corria atrás dele e não dava jeito, devido a esses fatos eu perdi a cabeça e fiz isso com ele. O Samuel roubou um celular de uma moça e uma galera se juntou para bater nele. Voltei na minha casa e peguei o terçado, quando encontrei ele na esquina, cortei ele todo... Estou arrependido, sou um pai de família e preciso trabalhar. Não posso estar fugindo e tenho que pagar pelos meus atos, mas a minha mulher está grávida e minha família depende muito de mim. Não valia a pena jogar minha vida inteira por causa de um vagabundo. Só fugi do flagrante porque a família dele estava rondando minha casa e quebrando tudo, dizendo que ia me matar e minha família toda também. Por isso, não me apresentei no mesmo dia. Estava escondido em um sítio, no mato".
A reportagem do jornal e site “O Mamoré” apurou que o delegado responsável pelo caso é o delegado Sérgio Toma, o mesmo interrogou Euzinei. Após a confissão e relatos do crime, o suspeito foi liberado, já que não há prisão preventiva e não estava no estado de flagrante. O Poder Judiciário foi informado dos fatos.

O crime

Samuel da Cruz Bezerra, de 19 anos, encontrava-se transitando, sentido bairro-centro, em uma bicicleta pela Avenida Toufic Melhem Bouchabki com Avenida Dário Gomes, bairro Jardim das Esmeraldas, próximo a sua residência. Populares avistaram Samuel sendo perseguido por um grupo de rapazes, um deles foi reconhecido como o auto de golpes de terçado que vitimaram o jovem. Um lado do rosto estava esfacelado e sem olho, a mão decepada e cortes pelo corpo. Com a chegada do Corpo de Bombeiros, a vítima já estava sem os sinais vitais, a Polícia Militar foi acionada.

 Samuel da Cruz Bezerra.

Após a realização dos trabalhos periciais no local do crime, o corpo da vítima foi conduzido ao necrotério do Hospital Regional, que após a necropsia foi liberado para familiares.

Fonte: O MAMORÉ.

O Mamoré com informações G1.
 


Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: