Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 23 de fevereiro de 2016

Escritor Paulo Saldanha: “Os Três Xerifes da Fronteira” e “Crônicas Guajaramirenses”

Na noite de sábado (20) no plenário da Câmara Municipal de Guajará-Mirim, o escritor Paulo Cordeiro Saldanha lança mais dois livros: “OS TRÊS XERIFES DA FRONTEIRA” e CRÔNICAS GUAJARAMIRENSES – PROSA QUE DESEMBOCA EM HUMOR”.
12735554_530110393839515_2135041853_n-1 

Na noite de sábado (20) no plenário da Câmara Municipal de Guajará-Mirim, o escritor Paulo Cordeiro Saldanha lança mais dois livros: “OS TRÊS XERIFES DA FRONTEIRA” e CRÔNICAS GUAJARAMIRENSES – PROSA QUE DESEMBOCA EM HUMOR”. A mestre de cerimônia do evento foi a Professora Marnizia da Unir, Em Porto Velho os livros serão lançados  no dia 04 de Março na Casa de Cultura Ivan Marrocos.
12767301_530112057172682_1467449977_n

O livro “Os três xerifes da fronteira” é um livro que retrata a história e homenageiam três importantes personagens de Guajará-Mirim, verdadeiros “sentinelas avançadas e “destemidos pioneiros”, como o CAPITÃO MANOEL ALIPIO DA SILVA E O POLICIAL JOÃO POMBA. “o terceiro é um mensageiro do bem, muito importante, que aparece como interlocutor dos demais “xerifes”, espécie de contraponto para que os diálogos fossem mantidos, diz o autor mantendo o segredo. 

12769571_530110343839520_325920864_n

O livro “Crônicas Guajaramirenses – prosa que desemboca em Humor” é,na opinião da professora e acadêmica Auxiliadora dos Santos Pinto, um livro onde “ecoam histórias singulares e uma imensurável quantidade de vozes, que, de forma fluida, representam, de certa forma, a história, a cultura, a memória e a subjetividade dos povos dessa imensa fronteira da Amazônia rondoniense. A acadêmica Sandra Castiel, que prefaciou a obra, referiu-se a ela dizendo: “Cronista da vida na mata, da vida no entorno dos caudalosos rios regionais, Paulo Saldanha apresenta crônicas com múltiplos aspectos: sejam históricas, dissertativas ou humorísticas, todas contudo, são perpassadas por uma natureza poética, natureza esta que brota do sentimento, da subjetividade do autor”. A Editora afirma que são narrativas que podem emocionar. São contos que podem comover!
O ponto alto do lançamento foi a presença do Policial JOÃO POMBA, que foi muito assediado, e ele com seu jeito simples atendeu a todos, e o discurso emocionado do Escritor Guajaramiresense Paulo Cordeiro Saldanha, que transmitiu a todos uma mensagem de amor a história da “Pérola do Mamoré”.
Estiveram prestigiando o evento, Professor Euro Tourinho Filho, Presidente da Academia de Letras de Guajará-Mirim Tanous Melhem Bouchabki Neto, Presidente da ACLER Jornalista Lucio Albuquerque, Vereador Cleb e Irmão Denis representando o poder legislativo, Deputado Estadual Dr.Neidson, Dr. Wenceslau Ruiz, representante da FACER Cicero Noronha, ex cônsul Valsiro Pedro de Lima, o fotografo Flaviano Sales do Portal Guajará, os Peritos criminais da Policia Civil Isaac Newton e Clayton Assunçao, Delegado Dr. Figueiredo, e o Policial Civil Guerard Castro, Empresario Valmor Brunoro, Pr.Celson da Silva e Pra. Roziane Siqueira da Igreja Quadrangular, Radialista Abrahim Chamma, Professora Maria Auxiliadora, Empresário e Juiz de Paz Antonio Melhem, Professor Hilter Videira, e pessoas da comunidade guajaramirense que lotaram o plenário da câmara municipal para prestigiar o evento.
No final o escritor Paulo Cordeiro Saldanha autografou livros aos presentes e foi oferecido um coquetel a todos os presentes.

Fonte: Estação News.
Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: