Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 1 de fevereiro de 2016

Coluna Almanaque - O POVO ESTÁ MAIS ESPERTO

Coluna Almanaque - O POVO ESTÁ MAIS ESPERTO, por Fábio Marques.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Por Fábio Marques
Quase que todos os dias, converso com pessoas de todos os níveis e extratos sociais que querem saber a respeito do futuro político da cidade. Acho que talvez estas pessoas suponham que a gente que trabalha com notícias sejam as melhores fontes para satisfazer seus anseios e receios. Considero salutar por parte da população este interesse em conhecer a política em todos os seus meandros e segredos, em especial quando se percebe uma apreensão e cuidado no que se refere à ética e à moral no exercício da função publica. Fico satisfeito, pois a cada dia que passa mais e mais se enraíza uma consciência de que está entrando em campo de atuação uma sociedade ajustada à estes valores e que nos últimos tempos vagavam sem norte nem direção.
Acho ainda que esta sociedade consciente e ciente de seus direitos, deveres e obrigações já começa a construir um excelente colégio eleitoral tendo em vista as eleições municipais de 2.016, onde as falsas simpatias e demagogias baratas poderão conceder espaço para a responsabilidade com o social, a corrupção seja algo que não se possa aceitar de maneira alguma e o interesse público se sobreponha a tudo.
A população hoje encontra-se perplexa e indignada. Ao contrário de tempos passados quando a elite de Guajará-Mirim tinha a cidade sob seu comando, esta população já não aceita como fato natural a desordem que se perpetua na coisa pública. O povo já não está mais tão acomodado. A sociedade como um todo quer alternativas concretas que se oponha a esta fábrica de horrores.
Hoje já dá para perceber um maior interesse por parte da população com a causa pública. As pessoas estão tomando a iniciativa. Elas querem votar consciente. Como jornalista, me sinto na obrigação de prestar o máximo de informações à estas pessoas e procuro observar os pontos de vistas distintos a respeito de assuntos diversos que adquirem relevância em nosso dia-a-dia. Dessas conversas costumo tirar conclusões a respeito da condução dos assuntos em pauta.
É preciso que num futuro não muito distante possamos ajudar a população a se organizar a fim de que ela possa exercer de maneira direta o Poder. Mas exercer não em seu próprio benefício e sim em prol do conjunto dos cidadãos. Temos hoje em Guajará-Mirim uma geração de políticos para quem o povo merece respeito. Gente como Augustinho Figueiredo, Paulo Nébio, Irmão Dênis e Cleber Freitas. E existe ainda uma vanguarda novata, porém atuante na defesa dos conjuntos sociais que nunca puderam colocar sua vontade para aqueles que os governam, como é o caso do jornalista Ronivon Barros e do servidor público Douglas Dagoberto. Democracia, vale relembrar, é a soberania da vontade popular.
A prática da cidadania se dá pela atuação do indivíduo no espaço público e na interação dos cidadãos com os poderes. O Estado de direito tem sua base cimentada nas garantias individuais e na defesa dos direitos políticos do cidadão. Partindo deste mister, é que se faz necessário incentivar a participação popular e fazer o povo voltar a acreditar nas coisas.
Em suma, não deixar a peteca cair.

Apoio: Churrascaria e Hotel Quinzão
           Laboratório 
Laden

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: