Nova Mamoré

[Nova Mamoré][list]

Geral

[Geral][bsummary]

Últimas Notícias

[recentposts]

Outras Notícias

[randomposts]

Publicações Legais

[AP][twocolumns]
Navegação
Publicado em 9 de fevereiro de 2016

Amigos ajudam jovem que perdeu casa em incêndio em Guajará

Chamas destruíram totalmente a casa no dia 27 de dezembro de 2015. No local moravam a mãe e três filhos que perderam tudo o que possuíam.
CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Algumas pessoas se uniram e decidiram construir, gratuitamente, uma nova casa para a família.  (Foto: Junior Freitas/G1)Algumas pessoas se uniram e decidiram construir, gratuitamente, uma nova casa para a família.
"Nem todo mundo tem um coração bom para ajuda o próximo, mas tenho a alegria de ter anjos do meu lado". Essa declaração foi feita pela dona de casa Joany Wanessa Nunes, de 24 anos, que está recebendo ajuda de familiares, amigos e populares para construir uma nova casa, após ter perdido tudo que tinha num incêndio, ocorrido no dia 27 de dezembro de 2015.
O acidente aconteceu depois que um amigo esqueceu o forno ligado na residência, que era situada na Avenida Abraão Azulay, no Bairro Santa Luzia, em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho.
Ao G1, a jovem que é mãe das gêmeas Kauany e Kailany, de quatro anos de idade e de Kaylan Victor, de três anos, contou que ganhou materiais de construção, roupas, calçados, cestas básicas e R$ 250 em dinheiro. Ela também recebeu a mão de obra voluntária para construir a nova moradia, que será num terreno localizado na mesma rua, distante a cerca de 200 metros da antiga casa destruída pelo fogo.
"Recebi mensagens de apoio, muito amor e carinho da minha família, que só quer o meu bem. Estou tentando me reerguer e vou conseguir aos poucos. A sensação de receber essa ajuda e ver a mobilização das pessoas que realmente se importam comigo é de felicidade e eterna gratidão. Daqui para frente eu espero ter uma nova vida e dar o conforto para os meus três filhos. Ainda estou desempregada, mas vou batalhar para conseguir um trabalho e seguir em frente. A vida continua", comentou, emocionada.
O pedreiro Francisco Nunes, de 43 anos, é uma das pessoas que se disponibilizaram para ajudar com a mão de obra voluntária. "Nos sensibilizamos e nos reunimos para ajudá-la no que for preciso. Estamos em seis pessoas trabalhando aqui para levantar essa casa. O bem ao próximo é o que torna o mundo melhor para se viver e nós estamos ajudando de coração. Ela até quis nos pagar, mas nós recusamos porque queremos ajudar de verdade e sabemos de como foi difícil tudo que ela passou. Essa situação podia ter acontecido com qualquer um", declarou Francisco.
Joany Nunes, de 24 anos, disse que recebeu apoio de várias pessoas e que tem anjos para ajudá-la nos momentos maisdíficeis.e cuidar dos três filhos. (Foto: Junior Freitas/G1)O  pedreiro Francisco Nunes disse que está ajudando Joany Nunes, de 24 anos, pois o que aconteceu com ela pode acontecer com qualquer um.
A família de Joany está organizando uma feijoada beneficente, que será realizada no próximo domingo (14), na Avenida José Cardoso Alves, Número 2761, no Bairro Santa Luzia. O ticket custa R$ 20 e o dinheiro será usado para a compra de materiais de construção e acabamento da obra. Os tickets estão sendo vendidos através dos números (69) 35411902 ou (69) 84024396.
Fonte: G1.

Enviar

O Mamoré

Themelet provides the best in market today. We work hard to make the clean, modern and SEO friendly blogger templates.

Comentários: